Home  /  Artigo
Artigo
Com crise, poucas empresas devem aumentar salários no Brasil
Apenas 8% dos empregadores brasileiros planejam aumentar os salários de seus funcionários acima da inflação nos próximos 12 meses.

O dado é de um estudo da consultoria Grant Thornton, que ouviu 2.580 líderes de 36 países.

De acordo com a pesquisa, o grau de otimismo dos executivos no Brasil atingiu um índice de -24%, à frente apenas da Estônia (-26%) e da Grécia (-38%).

O principal motivo para as perspectivas negativas no país é a instabilidade econômica, citada por 65% dos entrevistados.

"A inflação no Brasil este ano está em níveis altos combinada com baixo crescimento econômico, é natural que os empresários locais estejam conservadores com respeito as expectativas de salários”, diz Daniel Maranhão, gerente da Grant Thornton no país.

Para contornar o cenário ruim, uma das saídas encontradas pelo empresariado no Brasil foi terceirizar o departamento de RH. A medida foi adotada por 49% dos pesquisados por aqui, contra 25% dos executivos no resto do mundo.

Fonte: EXAME.COM - http://exame.abril.com.br/negocios/noticias/com-crise-poucas-empresas-devem-aumentar-salarios-no-brasil

Data Artigo: 17/07/2015
Temos parceria com mais de 5.800 cartórios em todo o Brasil.
Nossa fidelização é um comprometindo com a Qualidade e Rapidez da Entrega, trabalhando pela sua comodidade.
Parcerias